Disciplina: lpg



Baixar 82.97 Kb.
Página15/28
Encontro06.07.2018
Tamanho82.97 Kb.
1   ...   11   12   13   14   15   16   17   18   ...   28
Exercícios:
1. Reconheça o tipo de discurso que cada um dos fragmentos de texto apresenta.

a) Holmes não estudava medicina. Ele próprio, em resposta a uma pergunta, confirmara a opinião de Stamford a esse respeito. Tampouco parecia ter frequentado qualquer curso que lhe tivesse dado um título em ciência ou qualquer outro crédito que garantisse sua entrada no mundo acadêmico. No entanto, sua dedicação a certos estudos era notável e, embora limitado a temas excêntricos, seu conhecimento era de extensão e minúcias extraordinárias. Suas observações me deixavam impressionado.



Sem dúvida, ninguém trabalharia de forma tão devotada nem acumularia informações tão precisas sem ter algum objetivo em vista. Leitores fortuitos dificilmente se destacavam pela exatidão de seus conhecimentos. Homem nenhum sobrecarregaria a mente com minúcias, sem ter uma boa razão para isso.

A ignorância de Holmes era tão notável quanto seu conhecimento. O que sabia de literatura, filosofia e política contemporâneas era praticamente nada. Quando citei Thomas Carlyle, ele me perguntou, da forma mais ingênua, de quem se tratava e o que havia feito. Minha surpresa maior, porém foi descobrir, incidentalmente, que ele desconhecia a Teoria de Copérnico e a composição do sistema solar. (DOYLE, Arthur Conan. Um estudo em vermelho. São Paulo: FTD, 1988)

______________________________________________________________________


b) Estava alegre nesse dia, bonita também. Um pouco de febre também. Por que esse romantismo: um pouco de febre? Mas a verdade é que tenho mesmo: olhos brilhantes, essa força e essa fraqueza, batidas desordenadas do coração. Quando a brisa leve, a brisa de verão, batia no seu corpo, todo ele estremecia de frio e calor. (LISPECTOR, Clarice. Perto do coração selvagem. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1994)

______________________________________________________________________


c) Quem deu a ideia de trazer prima Biela para a cidade foi Constança.

– Deixa, Conrado, traz ela para casa. Biela fica morando com a gente, pode até me ajudar com as meninas, fazer companhia. Olha, quando você vai para a roça, tem dias que eu sinto uma falta danada de alguém para conversar. De noite, então... – disse ela.

– Tem Mazília – limitou-se Conrado na resposta.

Mazília – disse ela – ainda é menina.

Já é mocinha – disse Conrado, de pouca conversa. (DOURADO, Autran. Uma vida em segredo. Rio de Janeiro: Expressão e Cultura, 1973)

______________________________________________________________________

2. Foram retirados, dos textos abaixo, todos os sinais de pontuação relativos ao discurso direto. Reescreva os textos, pontuando-os corretamente:

a) Um pequeno avião militar sobrevoava o Saara, quando, de repente, o piloto viu lá embaixo alguma coisa que chamou sua atenção. Ele deu uma baixada com o avião e viu andando calmamente, naquela imensidão, um homem com um calção de banho, uma toalha no ombro, tamanco e sabonete. Ele fez uma evolução e aterrissou assustadíssimo. Dirigiu-se para o camarada e perguntou O senhor é de onde? De Minas, uai respondeu o homem. E o senhor está perdido? voltou a indagar o piloto. Eu não, sô. Vou tomar um banhozinho de mar. Banhozinho de mar? perguntou, espantado, o aviador. O mar está a mais de quinhentos quilômetros daqui. O mineirinho exclamou Num brinca! Que praião, hem sô!? (Ziraldo)

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

b) O mineirinho chega perto do chefe da estação, com aquela calma que Deus lhe deu, palitinho no canto da boca, canivetinho limpando as unhas, pergunta Moço, o expresso já passou? Já, sim senhor E o trem de subúrbio? volta a indagar o mineirinho. Passou às oito e meia responde o chefe. E o trem de carga? Só passa à meia-noite responde o chefe. O mineirinho questiona uma vez mais Quer dizer que não tem nenhum trem agora? Não senhor. Nem manobrando? Não berra o chefe. Por quê? O senhor vai viajar? Não, quero atravessar a linha. (Ziraldo)

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

3. Transforme o discurso direto em indireto:

a) O rapaz prometeu categoricamente:

– Amanhã, tudo estará resolvido.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


b) Paulo concluiu apressadamente:

– Farei o possível e o impossível.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
c) – Vou à farmácia e só depois falarei sobre o assunto – disse o pai ao filho.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


d) – Recebo o convidado e, posteriormente, farei o meu discurso – explicou o diretor.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


e) A jornalista indagou ao diretor do jornal:

– O senhor arcará com as responsabilidades da publicação?

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
f) Intrigado com a notícia que vinha dos vizinhos, o morador perguntou:

– O que é isso? O que está ocorrendo realmente?

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
g) O delegado ergueu o braço e disse:

– Este crime não fica impune.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
h) – Aqui mando eu – respondeu o motorista.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


i) O marinheiro exclamou:

– Puxa! Estou com vergonha de sair vestido assim.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
j) O homem de preto ordenou à secretária:

– Leia a carta que recebi.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
k) O paciente pediu ao médico:

– Conte-me a verdade.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
l) – O que devemos fazer? – perguntaram as crianças.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


m) O professor ordenou aos alunos:

– Façam o exercício.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________
n) – Estive na escola e falei com o diretor – disse Jonas.

____________________________________________________________________________________________________________________________________________


TEMAS DE VESTIBULAR


Baixar 82.97 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   ...   11   12   13   14   15   16   17   18   ...   28




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
Curriculum vitae
oficial prefeitura
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
assistência social
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
outras providências
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
secretaria municipal
Dispõe sobre
Conselho municipal
recursos humanos
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
psicologia programa
ministério público
língua portuguesa
público federal
Corte interamericana