Dados internacionais de Catalogação na Publicação (cip)



Baixar 1,42 Mb.
Página46/126
Encontro06.04.2018
Tamanho1,42 Mb.
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   126
Fascinação
A aventura humana sobre a terra pode ser vista como uma busca constante de melhores resultados, a cada ação empreendida. Por isso é que eu a defino como uma eterna procura pela melhor resposta.

À medida que avançamos no espaço-tempo que medeia o nosso aparecimento no mundo como organismo, e o desaparecimento dele nessa condição, a nossa jornada na vida permeia-se de atos e esses atos são, essencialmente, de aprendizagem. Tudo se passa como se o nosso organismo, em seu processo de evolução, fosse construído para “aprender”.

É possível que nas regras de evolução das espécies, a natureza, ou Deus – seja como for que se queira chamar o princípio ativo que deu origem e governa o universo – tenha introduzido um mecanismo que faz com que, ao longo do tempo, os organismos das espécies vivas se componham em estruturas de crescente complexidade.

Esse processo se torna ainda mais sutil na medida em que elas respondem, com eficiência cada vez maior, aos desafios que a vida as submete.

A satisfação física e espiritual, para o ser humano, é sempre um estado desejado a ser atingido. Atingido, ele deixa de ser um objetivo para transformar-se em algo que já se aprendeu e se tornou uma etapa a superar. Como o conceito de evolução exige sempre uma atitude de superação, o organismo humano, a cada etapa superada, parte para nova jornada de aprendizagem, em busca de outro objetivo, sempre um pouco mais adiante, seja na escalada da evolução biológica, seja no caminho da evolução espiritual.

A descoberta que o universo nasceu a partir de uma origem única foi a maior de todas as luzes já acesas no panteão da sabedoria humana. Graças a essa informação, ficamos sabendo que o ambiente em que vivemos é um processo que está em eterno estado de gênese. Nele tudo nasce constante-

mente e evolui de certo modo. Não há uma continuidade uniforme em seus padrões evolutivos, nem acontece em todos os lugares as mesmas coisas. Tudo é produto de relações e de relações entre relações.

Metamorfoses são próprias de determinados lugares e tempos. Do átomo à estrela, ao longo do eixo espaço-tempo acontece um arranjo entre as propriedades físicas presentes nas estruturas dos elementos, que permite a produção da energia através da interação entre eles. A cada interação, uma nova relação; a cada nova relação, um avanço na estrutura molecular do elemento ou da espécie.

Para entender e aproveitar bem esse processo, o ser humano precisa manter o espírito alerta e sempre aberto para “ver” “ouvir” e “sentir” como isso acontece. Só assim ele pode realmente aproveitar todas as potencialidades que tem para fazer uma diferença no sistema.

Essa postura exige a atenção de uma mente adulta, consciente de que está presenciando o desenvolvimento de um processo de infinita complexidade e o espírito de uma criança, perplexa perante o mistério que se desenrola perante os seus olhos, mas de modo algum assustada com ele. É uma atitude de mística fascinação perante o espetáculo da vida. Essa é lição que nos deu Jesus ao dizer que se não nos tornássemos meninos não entraríamos no reino dos céus.





Compartilhe com seus amigos:
1   ...   42   43   44   45   46   47   48   49   ...   126


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal