Curso de administração a distância – ufpr



Baixar 23,85 Kb.
Página1/4
Encontro26.03.2018
Tamanho23,85 Kb.
  1   2   3   4

Curso de Administração a distância – UFPR
O curso de Administração a distância é um projeto piloto que visa oferecer gratuitamente à sociedade um curso de qualidade com a conveniência do estudo a distância, desenvolvido numa perspectiva centrada no aluno. Este curso faz parte do Projeto Universidade Aberta do Brasil – UAB – que foi criado pelo Ministério da Educação, em 2005, no âmbito do Fórum das Estatais pela Educação, para a articulação e integração de um sistema nacional de educação superior a distância, em caráter experimental, visando sistematizar as ações, programas, projetos e atividades definidas pelas políticas públicas voltadas de ampliação e interiorização da oferta do ensino superior gratuito e de qualidade no Brasil. Tem como público alvo qualquer cidadão que concluiu a educação básica, e que foi aprovado no processo seletivo, atendendo aos requisitos exigidos pela instituição pública vinculada ao Sistema Universidade Aberta do Brasil.

O Sistema Universidade Aberta do Brasil é baseado em parcerias e consórcios públicos nos três níveis governamentais (federal, estadual e municipal), com participação das universidades públicas e demais organizações interessadas, sendo o curso de administração escolhido para ser o projeto piloto que será usado como referência, a partir de 2007, para a criação de outros cursos, principalmente na áreas de licenciatura e saúde.


O curso de Graduação em Administração modalidade a distância terá duração de quatro anos e meio e no final do curso o aluno receberá o diploma de bacharel em administração. O curso está organizado em nove módulos semestrais, tendo seu período de integralização de no máximo 5 anos. A carga horária total do curso é de 3000 (três mil) horas/aula, sendo, no mínimo 20% (vinte por cento) ministrada presencialmente. Os encontros presenciais ocorrerão preferencialmente nos sábados (manhã e tarde) e nas sextas-feiras à noite na UFPR – Campus Jardim Botânico.

Além dos encontros presenciais, o aluno desenvolverá diversas atividades a distância orientado pelo material didático próprio disponibilizado na internet ou por livros vendidos separadamente. É importante destacar que no sistema de educação a distância adotado pelo curso, o aluno deverá ter tempo disponível de quinze a vinte horas semanais (em média) para a realização das atividades referentes aos 80% (oitenta por cento) da carga horária restante do curso.

O estudante aprovado no vestibular será apoiado por um sistema de tutoria que permitirá o monitoramento direto do desempenho e do fluxo de atividades, facilitando a interatividade e identificação de possíveis dificuldades de aprendizagem.

O corpo docente do Curso de Graduação em Administração é proveniente do quadro de professores do DAGA – Departamento de Administração Geral e Aplicada, bem como de toda a Universidade Federal do Paraná.

Devido ao caráter excepcional do curso, não será permitida o trancamento do curso, nem o aproveitamento de disciplinas de outros cursos, bem como a transferência da modalidade presencial para o curso a distância.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
terapia intensiva
Conselho nacional
Curriculum vitae
oficial prefeitura
ensino médio
minas gerais
Boletim oficial
Concurso público
educaçÃo infantil
Universidade estadual
seletivo simplificado
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
assistência social
ciências humanas
Atividade estruturada
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
Dispõe sobre
outras providências
recursos humanos
secretaria municipal
Conselho municipal
psicologia programa
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
Relatório técnico
Corte interamericana
público federal
ministério público