Conselho Regional de Serviço Social – 7ª Região



Baixar 178.5 Kb.
Página1/13
Encontro10.08.2018
Tamanho178.5 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   13

Conselho Regional de Serviço Social – 7ª Região

Relatório de Atividades

Exercício de 2005
Vimos encaminhar o relatório de atividades desenvolvidas por este Regional durante o ano de 2005.

O ano foi certamente marcado, do ponto de vista da organização interna da entidade, pela mudança de sua direção, ocorrida em maio, a exemplo dos demais Regionais e do Conselho Federal de Serviço Social. De três em três anos vivenciamos a tarefa de transição entre as gestões no meio do ano em exercício, o que será em breve evitado pela correta e recente deliberação do Encontro Nacional CFESS/CRESS de que novas gestões iniciem seus mandatos em janeiro, o que facilita não só a execução financeiro-fiscal de cada Regional, mas possibilita que o processo de assimilação das diversas nuances que envolvem a direção de um Conselho Profissional ocorra em período onde, em geral, as demandas são menores que no mês de maio.

Outra importante marca de 2005 foram os embates do ponto de vista da defesa do exercício profissional do assistente social em grandes instituições do nosso Estado. A principal delas, sem dúvida um possível laboratório para enfrentamentos que se anunciam nacionais, foi posta pelas iniciativas da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. Trata-se de uma seqüência de Decretos municipais e de resoluções da Secretaria Municipal de Assistência Social que, equivocadamente, restringem a ação profissional do assistente social às políticas de assistência social, independente da área de intervenção em que esteja localizado, desconsiderando todo o acúmulo teórico-prático dos cinqüenta anos desta profissão em nosso país (especialmente as últimas três décadas, quando se conformou uma direção social comprometida com os valores expressos em nosso Código de Ética profissional e na Lei 8.662/93). Tal demanda continua viva em 2006, com a direção do Regional buscando mobilizar a categoria e unificar as demais entidades de nossa profissão para reagir a este eventual retrocesso, fruto, a nosso ver, do caldo de conservadorismo que atua sobre toda a sociedade brasileira (e, como não poderia deixar de ser, também sobre o Serviço Social) nos atuais tempos conjunturais. O Conselho Federal de Serviço Social, através de sua representação, tem contribuído com as análises e os encaminhamentos desta questão.

Outras questões profissionais, no entanto, se colocaram com centralidade para nosso Regional. Como poderá ser observado no relatório que se segue, inúmeras áreas de atuação do assistente social mereceram atenção do Conselho e de nossa Comissão de Orientação e Fiscalização, sempre na perspectiva de preservar a possibilidade de um exercício profissional ético, comprometido com a justiça social e com os diversos direitos dos usuários das políticas.

A manutenção do investimento em novas áreas de ação do Serviço Social e em políticas importantes para a visibilidade de nossa profissão continuaram sendo marcas das gestões do Regional em 2005. Exemplos evidentes são a realização do II Encontro Estadual do Serviço Social no Campo Sociojurídico e a realização do III Seminário de Comunicação do CRESS-RJ. Em ambos os eventos, a contribuição de profissionais de diversas áreas, de assistentes sociais de base e da direção, bem como de estudantes, foram marcas de preocupações que, embora ainda devam ser aprimoradas, vão se intensificando em nosso Estado. No que diz respeito à comunicação, a busca de maior visibilidade da profissão continua sendo característica importante deste Regional.

Mantivemos a persistência em organizar os assistentes sociais nas Comissões Temáticas e Regimentais do Conselho. Obviamente as dificuldades da conjuntura se impõem sobre esta esfera de ação, o que não impediu que várias e importantes atividades fossem promovidas pelas diversas comissões.

O CRESS-RJ manteve sua tradição de contribuir com grandes delegações aos Encontros Descentralizado da Região Sudeste e Nacional CFESS/CRESS. Persistimos convencidos de que a organização, para além das fronteiras de cada Estado, é o que pode acrescentar substância político-teórica à nossa profissão para o enfrentamento dos desafios que nos são colocados quotidianamente. No mesmo sentido, a busca de articulação com outros sujeitos sociais segue sendo uma frente de ação a ser aprimorada, embora várias iniciativas já possam ser percebidas no presente relatório.

Outra tradição que o CRESS-RJ buscou manter em 2005 foi a de trazer novos temas ao debate da categoria. Assim, além das diversas atividades promovidas durante o Mês do Assistente Social, promovemos mesa de debate sobre os Direitos Humanos e sua relação com o Serviço Social, além de levantamento sobre a visão de direitos humanos dos profissionais presentes aos eventos. O produto destas ações será publicado em breve em uma edição da Revista Em Foco, além de subsidiar os debates em torno da necessária criação da Comissão Ampliada de Ética e Direitos Humanos, um dos muitos desafios que nos propusemos a enfrentar em 2006.

Uma iniciativa que logrou sucesso em 2005 foi o Projeto Cinema no CRESS, existente desde 2003. O Projeto viu crescer o público presente às sessões, estimulando contato de assistentes sociais com outros profissionais e debatendo temas de interesse social inegável para a atualidade e para o futuro de nossa profissão e de uma sociedade igualitária.

No campo da gestão administrativa e de recursos humanos vimos buscando aprimorar os instrumentos já existentes, além de investir em uma cada vez mais ágil e transparente negociação das demandas de nossa equipe.

Estamos certos de que nossos esforços contribuem para a construção do Conjunto CFESS/CRESS nos rumos apontados por nossos Encontros e demais instâncias deliberativas. E nos comprometemos a, com todas as dificuldades que o mundo neoliberal impõe para as políticas sociais, persistir no esforço de construção coletiva de alternativas para o Serviço Social e a população brasileira, principal usuária de nossa ação profissional.
Saudações,

Diretoria do CRESS – 7ª Região




Baixar 178.5 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   13




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
Conselho nacional
terapia intensiva
oficial prefeitura
minas gerais
Curriculum vitae
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
educaçÃo física
Poder judiciário
saúde conselho
santa maria
assistência social
Excelentíssimo senhor
Atividade estruturada
Conselho regional
ensino aprendizagem
ciências humanas
outras providências
secretaria municipal
ResoluçÃo consepe
políticas públicas
Dispõe sobre
catarina prefeitura
recursos humanos
Conselho municipal
Colégio estadual
conselho estadual
ministério público
consentimento livre
psicologia programa
público federal
Serviço público