Conselho Gestor de Saúde- dialogando sobre experiências e desafios



Baixar 267,33 Kb.
Encontro06.07.2018
Tamanho267,33 Kb.



Conselho Gestor de Saúde- Dialogando sobre experiências e desafios

O grupo Integrado de saúde do Centro Universitário –Cesmac em Maceió, composto por professores de diversos curso como: Enfermagem, Nutrição, Odontologia, Psicologia, Biomedicina, Fisioterapia, Medicina Veterinária, Serviço social, se reunirão na tarde de quarta-feira dia 09/05/18, em uma roda de conversa para discutirem sobre CONSELHO GESTOR DE SAÚDE, assunto este de suma importância para o fortalecimento dos direitos sociais e cidadania. Foram abordados os seguintes pontos sobre Conselhos Gestores de Saúde – O que são, quais são as bases legais, que características deve ter esse conselho, qual sua importância, quais seus limites e desafios. Também foi feita algumas questões para a reflexão do grupo como:

- A ausência da população e profissionais nos conselhos significa apenas desmotivação e desinteresse?

- Que fatores tem contribuído para os limites da participação social na política de saúde?

- Que concepção de participação estão presentes no interior do SUS?



A principal função do conselho é a de PARTICIPAR DA GESTÃO DAS UNIDADES DE SAÚDE, entendendo que essa gestão deve ser participativa e compartilhada, esse tipo de gestão são atividades que buscam melhorar a gestão do SUS com a participação dos profissionais da saúde e da comunidade no planejamento das políticas de saúde. Ela garante a participação igualitária de cada membro do grupo, considerando os diferentes saberes e vivencias dos(as) participantes. A Gestão Participativa está baseada na construção de consensos, deve identificar e reconhecer as diferentes opiniões, num processo de discussão e negociação. Vale lembrar que participar é ter igualdade de poder, domínio dos recursos e capacidade de construção conjunta, convivendo com as diferenças e superando conflitos. Participação na gestão torna todos corresponsáveis pelos resultados que alcançamos, não é à toa que e esse tipo de gestão é defendido dentro da PNH – Política Nacional de Humanização. O conselho deve interagir com outros órgãos e/ou secretarias para ampliar seu campo de atuação, buscando uma maior resolutividade de suas ações; seus membros devem seguir uma conduta ética e política na ação conselheira.

É muito importante levarmos este tipo de discursão no âmbito das instituições de ensino superior, já que são elas a formadora desses profissionais de saúde com perfil generalista, humanista, crítico e reflexivo.


Compartilhe com seus amigos:


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
Processo seletivo
terapia intensiva
Conselho nacional
Curriculum vitae
oficial prefeitura
ensino médio
minas gerais
Boletim oficial
Concurso público
educaçÃo infantil
Universidade estadual
seletivo simplificado
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
assistência social
ciências humanas
Atividade estruturada
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
Dispõe sobre
outras providências
recursos humanos
secretaria municipal
Conselho municipal
psicologia programa
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
Relatório técnico
Corte interamericana
público federal
ministério público