Circular nº 002/2005



Baixar 1,54 Mb.
Página57/103
Encontro30.11.2019
Tamanho1,54 Mb.
1   ...   53   54   55   56   57   58   59   60   ...   103
Nome do Jogo

Guerra das Serpentes

Tipo

Ativo Geral

Aplicação

Lobinhos, Escoteiros, Seniores e Pioneiros

Regra

Duas equipes em filas formam duas "cobras" que devem uma comer o "rabo" da outra. O "rabo" (último da fila) comido passará a fazer parte da outra "cobra".

Vide o jogo "Mowgli e Shere Khan".



Observações

Esse jogo é bastante animado, principalmente quando as equipes forem grandes. Se uma equipe ficar muito maior que a outra, começa a ficar mais pesada enquan­to a outra fica mais ágil, havendo, assim, uma tendência do jogo ficar empatado.

Há dois tipos de comportamento a serem observados nesse jogo: um é quando há pessoas que se soltam com facilidade e outro quando há quem faça manobras tão fechadas que forçam aos companheiros de trás soltarem e até caírem. Em ambos os casos, há um indicativo de falta de espírito de equipe.



No primeiro caso, a pessoa que assim procede tende a se entregar nas primeiras dificuldades, não permitindo que desafios importantes cortem seu caminho de vida. No segundo, a pessoa mostra-se egocêntrica ao ponto de pouco se importar com os seus próprios companheiros e na vitória da equipe: quer mostrar-se ape­nas como o melhor e que o resto não interessa, ou que o resto perdeu o jogo por não saber acompanhá-lo. Ambos os casos merecem ser tratados pelos Escotistas.

Sugestões

É interessante aplicar uma "punição" de um dos membros passar para a serpente adversária se houver rompimento na fila.






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   53   54   55   56   57   58   59   60   ...   103


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal