Campus de vilhena departamento de pedagogia



Baixar 23,36 Kb.
Encontro11.10.2018
Tamanho23,36 Kb.





SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA

CAMPUS DE VILHENA

DEPARTAMENTO DE PEDAGOGIA


  1. PROGRAMA/TEMAS PARA A PROVA DIDÁTICA E REFERÊNCIAS




  1. Estudo da educação e da pedagogia nos diferentes períodos da história da humanidade;

  2. Aspectos históricos, filosóficos, econômicos, políticos e sociais da educação no Brasil e na América Latina;

  3. Currículo: conceitos, fundamentos e teorias.

  4. Propostas curriculares e Diretrizes para a Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental;

  5. Planejamento dialógico, desenvolvimento e avaliação do currículo;

  6. Políticas afirmativas, atenção à diversidade, raça e etnia, relações de gênero, culturas negadas/silenciadas no currículo e as diferenças sexuais e de gênero;

  7. Currículo, estrutura e organização da educação brasileira, e a gestão escolar;

  8. Aspectos sociológicos, políticos, pedagógicos e psicopedagógicos da exclusão escolar;

  9. O papel social da escola e do/da docente na sociedade brasileira atual e que se pretende intercultural.

  10. Políticas Públicas, Gestão e Financiamento da educação.

3. REFERÊNCIAS


  1. BRASIL. Secretaria de Educação Básica. Referencial Curricular Nacional para a Educação a Educação Infantil. Brasília: MEC/SEF, 1997.

  2. BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: 1ª à 4ª séries. Brasília: MEC/SEF, 1997.

  3. CAMBI, Franco. História da Pedagogia. São Paulo: Editora UNESP, 1999.

  4. CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber: elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artmed, 2000.

  5. COLL, César. Psicologia e currículo: uma aproximação psicopedagógica à elaboração do currículo escolar. 4. ed. São Paulo: Ática, 1999.

  6. COSTA, Marisa Vorraber (Org.). O currículo nos limiares do contemporâneo. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

  7. FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 21. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1993.

  8. GIROUX, Henri. Teoria crítica e resistência em educação; para além das teorias da reprodução. Petrópolis, RJ: Vozes, 1983.

  9. HERNÁNDEZ, Fernando; VENTURA, Monserrat. A organização do currículo por projetos de trabalho. 5. ed. Porto Alegre: Artmed, 1998.

  10. LAHIRE, Bernard. Sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo: Ática, 1997.

  11. OLIVEIRA, Romualdo Portela de; ADRIÃO, Theresa. Organização do Ensino no Brasil: níveis e modalidades na Constituição Federal e na LDB. São Paulo: Xamã, 2002.

  12. OLIVEIRA, Romualdo Portela de; ADRIÃO, Theresa (Org.). Gestão, Financiamento e Direito à Educação. Análise da LDB e da Constituição Federal. 2. ed. São Paulo: Xamã, 2002.

  13. PLANK, David N. Política educacional no Brasil: caminhos para a salvação pública. Porto Alegre: Artmed Editora, 2001.

  14. SILVA, Tomaz Tadeu da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.

  15. SILVA, Tomaz Tadeu da; MOREIRA, Antônio Flávio Barbosa (Org). Territórios contestados: o currículo e os novos mapas políticos e culturais. 2. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 1998.

  16. ZABALA, Antoni. Enfoque globalizador e pensamento complexo: uma proposta para o currículo escolar. Porto Alegre: Artmed, 2002.

Loidi Lorenzzi da Silva

Chefe do Departamento de Pedagogia


Compartilhe com seus amigos:


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal