Caderno 1 a graçA, deus, jesus, o espírito ir. Giovanni Bigotto termo de apresentaçÃO



Baixar 262,06 Kb.
Página4/41
Encontro28.11.2019
Tamanho262,06 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   41
2
UMA EXPERIÊNCIA

QUE MUDA TUDO

Estas poucas páginas de introdução traçam o percurso de uma vida polarizada em Deus. Mas em cada vida de santo há como que uma volta decisiva, um ponto de conversão profunda e durável. Sigamos simplesmente Basílio num relato seu em longo artigo de 19 páginas à revista espanhola Religiosos de hoy, Madri, 1980. Esse artigo oferecerá as citações destas páginas:



2.1. Uma vida promissora, mas não orientada
Na evocação que faz de sua vocação, no momento em que é Superior-Geral, remontando às origens, ele se reconhece um jovem mais interessado pela vida que por Deus: “Eu era jovem e vivia minha juventude com euforia cheia de vida, com dinamismo transbordante, sem predileção particular nem para a piedade, nem para os estudos, nem para o trabalho”. É claro que todos os caminhos continuam abertos com suas diferentes possibilidades. Ele era, no elã de sua juventude, atraído por tudo o que era nobre. Mas também acrescenta: “Tratava-se de elementos sadios, embora totalmente limitados ao que é humano”. As leituras de então situavam-se também nesse nível: Dumas, Júlio Verne, romances de amor ou de gênero policial. Mas já nessa época ele nota em si duas tendências: “Grande atração do coração por tudo o que era nobre e altruísta, e uma inclinação para ocupar-me das pessoas em dificuldades”. Levava consigo um grande ideal, mas ainda muito vago, que lhe dava aversão à mediocridade e o atraía para causas elevadas. Sonhava tornar-se um notável intelectual ou dedicar-se a uma grande causa, sem que o elemento religioso fosse a motivação. Não gostava de longas orações em família, mas acolhia de bom grado a devoção a Maria Santíssima e rezava espontaneamente o terço. Tinha profunda estima a seus educadores, os Irmãos Maristas: eram educadores autênticos que viviam verdadeiro espírito de família, numa profunda devoção à Virgem Maria. Mas não tinha nenhuma idéia de abraçar a sua vida. E conclui essa fase dizendo: “Sem dúvida, a semente da oração já estava plantada no coração, aguardando a hora propícia para germinar’.

Seus educadores, os Irmãos Maristas, não lhe fizeram nenhuma proposta vocacional.






Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   41


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa