Caderno 1 a graçA, deus, jesus, o espírito ir. Giovanni Bigotto termo de apresentaçÃO


Tudo depende de quem toca o violino



Baixar 262,06 Kb.
Página36/41
Encontro28.11.2019
Tamanho262,06 Kb.
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   41
2. Tudo depende de quem toca o violino

Quando uma alma de boa vontade, procurando sinceramente o amor do Senhor, pede a Deus que a purifique, sua oração não é uma farsa. Mais ainda, se essa alma, depois de ter feito tudo quanto podia, se dá conta de que não pode realmente atingir o nível ao qual sente que o Senhor a chama, ela pode com toda a confiança dizer: “Senhor, não consigo. Faze tu mesmo essa purificação porque preciso de tua ação para me tornar um pouco menos indigno de teu amor” ... Essa alma será colocada sob o sopro direto dos dons do Espírito Santo; todos os autores de Teologia Espiritual reconhecem a enorme diferença que existe numa alma que trabalha em cooperação com a graça de Deus. Virá o dia em que essa alma, que percorreu o rude caminho das virtudes cristãs, será inundada por Deus com os dons do Espírito Santo, que entrará em sua intimidade, transformando-a por sua ação. É o momento da santidade.

Compreenderão por uma imagem bem simples. Quando o grande biologista espanhol Salazar, que também era compositor e violinista, foi ao México, tocou diante do grande edifício da Loteria Nacional. Ora, um indiano colocou-se pertinho, com o fim de vender violinos feitos por ele. Esses instrumentos eram rústicos, primitivos. Então Salazar, passando perto, parou para olhar. Perguntou ao indiano se lhe permitia tocar com um de seus violinos. O indiano aceitou de bom gardo e lhe apresentou o violino. Então o artista começou a tocar com esse instrumento sem valor. Era muito lindo, e o indiano ficou embasbacado vendo o que um artista de fama mundial podia fazer com seu pobre violino. No fim, Salazar perguntou-lhe: “Quanto custa seu violino?” A resposta foi maravilhosa: “Para o senhor, nada, eu lho dou”.

É exatamente o que se passa na vida espiritual. Somos miseráveis violinos tocados por pobres diabos e, naturalmente, a melodia nada tem de agradável. Existe o amor, a generosidade e tudo, mas é totalmente imperfeito. Não podemos estar satisfeitos.






Compartilhe com seus amigos:
1   ...   33   34   35   36   37   38   39   40   41


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal