As Cinco Linguagens do Amor



Baixar 0,63 Mb.
Página21/62
Encontro29.11.2019
Tamanho0,63 Mb.
1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   62

Atividades de Qualidade


Além da linguagem básica do amor “Qualidade de Tem­po” — que é dedicar total atenção a seu cônjuge — há um outro dialeto que se chama atividades de qualidade. Em um recente seminário sobre casamento, pedi que os casais completassem a seguinte sentença: “Sinto mais amor por meu cônjuge quando ________”. Veja as respostas dadas por um jovem marido, casado há oito anos:

“Sinto-me mais amado por minha esposa quando exer­cemos atividades em conjunto, ou seja, coisas que eu goste de fazer e ela também aprecie. Dessa forma conversamos mais. É como se estivéssemos namorando outra vez”.

Essa é uma linguagem típica de pessoas cuja primeira linguagem do amor é “Qualidade de Tempo”. A ênfase é dada no estarem juntos, em realizarem ao lado um do outro as mesmas atividades, e em dedicarem atenção total às suas necessidades.

Entende-se por atividades de qualidade qualquer coi­sa pela qual um ou os dois se interessem. A ênfase não está no que se faz, mas no porquê decidiu-se realizá-lo. O objeti­vo é terem uma experiência juntos, e terminá-la de forma a afirmarem: “Ele (ela) se interessa por mim. Ele quis fazer comigo algo que eu apreciava e realizou-o com uma atitude muito positiva”. Isso é amor e, para algumas pessoas, é a forma em que ele fala mais alto.

Tracie cresceu em meio a concertos. Em toda sua infân­cia, a casa sempre esteve repleta de música clássica. Pelo menos uma vez ao ano ela acompanhava seus pais a um fes­tival. Larry, por outro lado, gostava de música “country”. Ele nunca fora a um concerto e seu rádio estava sempre liga­do em estações de música popular. Ele chamava a preferên­cia de sua esposa de sinfonia de elevador. Se ele não tivesse se casado com Tracie, teria atravessado sua vida sem jamais assistir a um concerto. Antes do casamento, enquanto atra­vessava a fase da paixão obcecada, ele chegou até a assistir a alguns espetáculos musicais. Porém, mesmo apaixonado, ele perguntou se ela chamava “aquilo” de música!

Após o casamento, decidiu que nunca mais sairia de casa para ouvir um concerto. No entanto, quando anos mais tarde descobriu que “Qualidade de Tempo” era a primeira linguagem do amor de Tracie e ela apreciava de forma espe­cial o dialeto das atividades de qualidade, quis acompanhá-la e o fez entusiasmado. Seu propósito era claro. Ele não ia para assistir ao concerto, mas para demonstrar amor a Tracie e falar alto em sua linguagem. Com o passar do tempo, che­gou a apreciar os concertos e, ocasionalmente, a deleitar-se com um ou dois movimentos. Talvez ele nunca se torne um amante da música erudita, mas provavelmente diplomou-se em demonstrar amor à sua esposa.



Um dos pontos positivos das

atividades de qualidade é que elas

possibilitam o armazenamento

de um banco de memórias ao

qual podemos nos reportar

pelos anos futuros.

Entre as atividades de qualidade citamos plantar um jardim, descobrir e ir a liquidações, colecionar antiguidades, ouvir música, fazer piqueniques, caminhar, lavar o carro jun­tos durante o verão, etc. Essas atividades limitam-se apenas pelo interesse e desejo de tentar, ou não, novas experiências. Os ingredientes especiais para uma atividade de qualidade, são:

1. Desejo de fazê-la, proveniente de um dos dois.

2. O outro estar disposto a executá-la.

3. Ambos estarem conscientes porque devem realizá-la — expressar amor de forma a permanecerem juntos.

Um dos pontos positivos das atividades de qualidade é que elas possibilitam o armazenamento de um banco de me­mórias ao qual podemos nos reportar pelos anos futuros. Fe­liz é o casal que se lembra de uma caminhada feita de manhã ao longo da praia; de uma árvore plantada no jardim; do tem­po em que colocaram iscas para acabar com as formigas do pomar; do projeto de pintura dos quartos; da noite em que foram juntos ter aulas de patim e um deles caiu e quebrou a perna; dos passeios pelo parque; dos concertos; dos recitais e, como esquecer, do tempo gasto apreciando uma cascata após a longa caminhada de bicicleta até encontrá-la? Podem até sentir os respingos que caíram em seus rostos. Essas são me­mórias de amor, especialmente para aquelas pessoas cuja pri­meira linguagem for “Qualidade de Tempo”.

E, como achar tempo para tais atividades, especialmente se ambos trabalham fora? Achamos a ocasião da mesma for­ma que a encontramos para almoçar e jantar. Por quê? Por­que são tão essenciais para nosso casamento como as refei­ções o são para nossa saúde.

Isso é difícil? E preciso planejamento?

Sim!

Implica em que tenhamos de abrir mão de algumas ati­vidades particulares?



Talvez!

Significa que faremos algumas coisas que, particular­mente, não apreciamos?

Certamente!

Será que compensa?

Sem sombra de dúvida!

O que posso aprender com isso?

O prazer de viver com um cônjuge que é amado e sabe disso, pois compreende que o (a) esposo (a) aprendeu a falar sua primeira linguagem de forma fluente.

Gostaria de dar uma palavra de agradecimento a Bill e Betty Jo, de Little Rock, que me ensinaram o valor da pri­meira linguagem do amor — “Palavras de Afirmação”, e tam­bém a segunda — “Qualidade de Tempo”.

Agora, vamos até Chicago para encontrarmos a tercei­ra linguagem do amor.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   17   18   19   20   21   22   23   24   ...   62


©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
santa catarina
Prefeitura municipal
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
Processo seletivo
ensino fundamental
Conselho nacional
terapia intensiva
ensino médio
oficial prefeitura
Curriculum vitae
minas gerais
Boletim oficial
educaçÃo infantil
Concurso público
seletivo simplificado
saúde mental
Universidade estadual
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
saúde conselho
educaçÃo física
santa maria
Excelentíssimo senhor
assistência social
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
outras providências
recursos humanos
Dispõe sobre
secretaria municipal
psicologia programa
Conselho municipal
Colégio estadual
consentimento livre
Corte interamericana
Relatório técnico
público federal
Serviço público
língua portuguesa