Ambiente escolar e currículo



Baixar 11,57 Kb.
Encontro16.09.2018
Tamanho11,57 Kb.
    Navegue nesta página:
  • Fonte



Educação continuada: âncora de carreiras e timoneiros

O desenvolvimento tecnológico, quando não acompanhado pelo crescimento intelectual e cultural, tende a provocar impactos sociais que podem levar ao enfraquecimento da estrutura de princípios e valores morais de uma determinada sociedade. Este conjunto de princípios e valores pode ser considerado como uma âncora que lançamos num porto ou estágio de nossa vida profissional.


Considerando que possamos nos julgar profissionais modernos e atualizados, como marinheiros que aprendem a navegar nas mais difíceis tempestades, sabemos que precisamos nos tornar eternos estudantes, para manter nossa capacidade de competir no mercado de trabalho e para usufruir as novas tecnologias. Por esta razão, é vital permanecer numa condição de aprendizado e atualização contínuos. Por que a educação continuada nos prepara frente aos novos desafios e às constantes e velozes mudanças na sociedade.
Nossa formação e conhecimento são para sempre nossos e são eles que nos conferem o embasamento para que possamos nos desenvolver, não apenas profissionalmente, mas em todos os campos da vida social. O diploma universitário cada vez mais se torna um produto perecível. Sem atualização continuada, a nossa carreira pode se deteriorar muito rapidamente.
Neste contexto, a gestão de carreira se torna um processo que envolve fazer escolhas e tomar decisões apropriadas na vida profissional. Esta prática que, na maioria das vezes representa investimento de dinheiro, tempo e esforço é claramente um dos pilares do sucesso profissional, na medida em que estimula o profissional a exercitar a sua autonomia para aprender. Autonomia que o estimula a assumir a responsabilidade pelo próprio processo de aprendizagem e, conseqüentemente, adaptar parte deste aprendizado à gestão de sua própria carreira.
Edgar Schein, autor clássico de psicologia organizacional, desenvolveu o conceito de âncoras de carreira onde demonstra que um profissional ao fazer escolhas em sua carreira, deveria identificar pelo menos um fator do qual ele não abriria mão na hora de tomar uma decisão que afetasse a sua trajetória profissional.
Acredito que a educação continuada representa, nos dias de hoje, uma poderosa âncora ou o fator que não devemos abrir mão seja qual for o rumo que a nossa carreira venha a tomar. A educação continuada é um processo que além de se prolongar por toda a nossa existência, não pode se restringir à escola, mas precisa envolver todos os espaços onde ocorrem os relacionamentos interpessoais – trabalho, lazer, família e demais grupos sociais – visando nos tornar artífices de nossa própria educação, recorrendo a todas as nossas potencialidades nos planos cognitivo e afetivo. Neste sentido, toda uma vida e todos os aspectos da existência cotidiana transformam-se em agentes de educação.
No livro Educação Corporativa – A Gestão do Capital Intelectual Através das Universidades Corporativas, Jeanne Meister se refere a um fenômeno que ocorre nos Estados Unidos e que já notamos no Brasil: As Universidades Corporativas, consórcios educacionais, universidades virtuais e empresas de educação com fins lucrativos estão proliferando para atender o segmento de mercado do adulto profissional, elaborando pró-ativamente experiências, ferramentas e serviços de apoio à aprendizagem convenientes, acessíveis e oferecidos sempre que necessário.
Este fenômeno demonstra que, assim como os profissionais estão segurando firmemente o timão de suas carreiras, existe toda uma infra-estrutura que está sendo montada para que ele possa recorrer e tornar-se um fiel e exigente consumidor de produtos e serviços educacionais. Em outras palavras, os timoneiros de carreira, enquanto profissionais esclarecidos e atualizados, estão forçando as mudanças e experiências em como e onde a educação será oferecida ao crescente segmento dos adultos profissionais.
Não podemos nos esquecer que neste mar bravio representado pelo competitivo mercado de trabalho, além de timoneiros somos também remadores de nosso próprio destino.

Fonte


BASTOS FILHO, João Florêncio. Educação continuada: âncora de carreiras e timoneiros. Disponível em: . Acesso em: 06 jan. 2015.





Compartilhe com seus amigos:


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal