Agência fides – 30 de setembro de 2008



Baixar 377,23 Kb.
Página16/67
Encontro11.10.2018
Tamanho377,23 Kb.
1   ...   12   13   14   15   16   17   18   19   ...   67

VATICANO - Papa Bento XVI em Cagliari (3) - “O sacerdote, para a Igreja e na Igreja, é sinal humilde, mas real, do único e eterno Sacerdote que é Jesus. Deve proclamar intensamente a sua palavra, renovar os seus gestos de perdão e de oferta, exercitar a sua amorosa solicitude a serviço do seu rebanho, em comunhão com os Pastores”


Cidade do Vaticano (Agência Fides) – Na tarde de domingo, 7 de setembro, o Santo Padre Bento XVI encontrou-se, na Catedral de Cagliari, com os sacerdotes, os seminaristas e a comunidade da Pontifícia Faculdade Teológica da Sardenha. “A Sardenha conheceu presbíteros que, como autênticos mestres de fé, deixaram maravilhosos exemplos de fidelidade a Cristo e à Igreja – disse o Papa no seu discurso -. O mesmo tesouro inestimável de fé, de espiritualidade e de cultura é confiado hoje a vocês; é posto em suas mãos, para que dele sejam atentos e sábios administradores. Cuidem dele e protejam-no com alegria e paixão evangélica!”

Dirigindo-se à comunidade do Seminário e da Faculdade Teológica, Bento XVI agradeceu em especial aos educadores e professores, “que diariamente se dedicam a um tão importante trabalho apostólico”, reiterando a necessidade de orientar os seminaristas “para uma experiência pessoal de Deus por meio da oração pessoal e comunitária diária e, principalmente, por meio da Eucaristia, celebrada e sentida como o centro de toda a própria existência”. Aos seminaristas e aos alunos da Faculdade Teológica, o Papa recordou que a formação teológica “é obra muito mais complexa e importante”, que apresenta a dupla exigência “de conhecer a totalidade das verdades cristãs, e de conhecer tais verdades não como verdades separadas uma da outra, mas de maneira orgânica, como uma unidade, como uma única verdade de fé em Deus… Além disso, nesses anos, todas as atividades e iniciativas devem levá-los a comunicar a caridade de Cristo Bom Pastor. Por Ele foram chamados a serem amanhã ministros e testemunhas: ministros da sua graça e testemunhas do seu amor”. Portanto, ao lado do estudo e das experiências pastorais e apostólicas, Bento XVI recomendou aos seminaristas que “ponham em primeiro lugar a constante busca por uma íntima comunhão com Cristo”.

“Queridos presbíteros, queridos aspirantes ao sacerdócio e à vida consagrada, Deus quer todos para si e os chama para serem trabalhadores na sua vinha, assim como fez com tantos homens e mulheres ao longo da história cristã de sua bela Ilha. Eles souberam responder com um ‘sim’ generoso ao seu chamado”, continuou o Santo Padre recordando a obra evangelizadora realizada pelos diversos institutos religiosos e “o grande florescimento de vocações religiosas femininas” que permitiram “difundir o amor de Cristo nos países, nas famílias, nas escolas, nos hospitais, nas prisões e nos locais de trabalho”, sem esquecer a sua presença nos monastérios de clausura.

A todos os sacerdotes da Sardenha o Papa assegurou a sua proximidade espiritual, para que possam “responder ao apelo do Senhor com total fidelidade” assim como, também recentemente, fizeram alguns de seus coirmãos, entre os quais padre Graziano Muntoni, sacerdote da diocese de Nuoro assassinado na véspera do Natal de 1998, e Padre Salvatore Carzedda do PIME, assassinado em 1992 em Zamboanga nas Filipinas, “que deram a vida para que os fiéis de todas as religiões se abrissem a um diálogo sincero sustentado pelo amor”.

“Não se assustem, nem se desencorajam pelas dificuldades – exortou o Pontífice – é importante ser sementes de bom grão que, plantadas na terra, produzem frutos. Aprofundem a consciência de sua identidade: o sacerdote, para a Igreja e na Igreja, é sinal humilde, mas real, do único e eterno Sacerdote que é Jesus. Deve proclamar intensamente a sua palavra, renovar os seus gestos de perdão e de oferta, exercitar a sua amorosa solicitude a serviço do seu rebanho, em comunhão com os Pastores. Sendo assim, reavivem todos os dias o carisma que receberam com a imposição das mãos, identificando-se com Jesus Cristo na sua tríplice função de santificar, adestrar e alimentar o rebanho”. (S.L.) (Agência Fides 9/9/2008)

O texto integral do discurso do Santo Padre, em italiano

www.evangelizatio.org




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   12   13   14   15   16   17   18   19   ...   67


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal