[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!



Baixar 2,07 Mb.
Página69/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   65   66   67   68   69   70   71   72   ...   354
Faça-me o favor!

Esqueça-me, por favor,

Não me cause mais dissabor;

Você fingiu me dar amor

E provocou-me a ira e o rancor!

O seu preço

Eu não mereço,

Por isso eu a esqueço

E não sinto que padeço!

Declino da sua inteligência,

Maior é a sua prepotência;

Mulher mesquinha e intransigente,

Você não me confundirá novamente!

Eu me esforcei para lhe acreditar,

Mas você é incapaz de amar;

Seu egoísmo é abjeto e singular

E mulher como você, nunca vi noutro lugar!

Ninguém merece uma mulher assim,

Tão repleta de falsidades sim;

Eu lhe peço para se distanciar de mim,

Pois a nossa história nem começou e já tem fim!

Ah! Mulher insensata!

O seu orgulho lhe mata,

Sua ganância, de mim, lhe afasta;

Você é uma mulher má, cruel e nefasta!

Duro”; é assim que elas gostam!

Mulher não gosta de homem frouxo,

Preferem aqueles que têm o “saco roxo”;

Elas gostam de homens feios e “duros”

E têm preferências pelos mais maduros!

O homem ideal tem que ser “duro” na queda,

Mas não precisa saltar de paraquedas;

Eu sou um homem que gosta de verdura,

Mas mulher gosta mesmo é de ver “duro”!

Mulher não se entrega facilmente ao rico,

Mas ao homem duro, se ela diz eu fico,

Nada e nada lhe faz mudar de ideia

Mesmo sendo rainha ou plebeia!

Se ele tem a/o “coisa” mole,

Nas mãos de uma mulher não encolhe;

Elas sabem como deixá-lo “duro”,

Até a/o “coisa” de um velho bem maduro!

Se o pobre coitado não reagir,

A mulher sabe como agir e fingir;

Se for necessário Viagra pra ficar “duro”,

Ela não abre mão do que lhe é mais seguro!

Elas gostam mesmo é de ver “duro”,

Seja no claro ou no escuro!

O homem que não tiver o “bicho de pé”,

Nem deveria ter nascido ou ter nascido “muié”!




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   65   66   67   68   69   70   71   72   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal