[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!



Baixar 2,07 Mb.
Página43/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   39   40   41   42   43   44   45   46   ...   354
A Lebre!

Ela se dizia a “personificação humana” e afirmava agir como tal e que gostava de fazer amizades com humanos e ainda se autoafirmava “pessoa” temente a Deus que possuía duas lindas crias e que eu fosse menos impiedoso e não a caçasse; não mexesse com ela.

Eu, caçador, de imediato me sensibilizei com inusitado pedido, já que caçar é o meu ofício e nem sempre se encontra uma lebre “livre” pelas pastagens verdes deste mundão para ser agarrada, abatida e devorada com voracidade.

Todavia, durante nossas argumentações, a astuta lebre me fez acreditar nas suas palavras de mulher safa e inteligente ou talvez “desequilibrada e hostil” e me fez desistir de caçá-la. Interpretou erroneamente todas as minhas conjecturas a seu respeito e me incriminou sem piedade mesmo tendo eu poupado lhe a vida tão preciosa, sendo ela uma presa linda e apetitosa.

Ela distorceu todos os meus argumentos nesta tentativa de capturá-la sem usar de métodos cruéis, mas o inverso acontecia sem que eu percebesse de que a caça estava sendo eu e que os papéis se invertiam. Ela passou a me caçar impiedosamente como eu lhe havia caçado e decidido, posteriormente, desistir de abatê-la em razão do seu apelo.

Mas a “Lebre Mulher” não se intimidou diante deste eu caçador e até fez uso do nome sagrado de Deus para agredir-me de maneira a me fazer pensar que eu estava diante de uma onça feroz e raivosa. Que maluquice! Que história sem sentido! Que intriga infantil! Qual a razão desta discussão sem sentido; vamos caçador, atire logo e extermine esta lebre que lhe persuade a acreditá-la gente.

Entretanto, não tive a coragem necessária para puxar o gatilho e encostei a espingarda num canto e saí cabisbaixo tentando entender o ininteligível. O que pensa esta “mulher lebre ou lebre mulher”? Não me importa! A distância deste “animal” perigoso e insensato é a melhor alternativa. Espingarda nas costas e liberdade para esta “Lebre”! E está dito!




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   39   40   41   42   43   44   45   46   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal