[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!


Eu te amo poeta e poetisa!



Baixar 2,07 Mb.
Página25/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   21   22   23   24   25   26   27   28   ...   354
Eu te amo poeta e poetisa!

Quando faço esta afirmação sou incompreendido e questionado por muitos e até recebo no meu contato comentários indelicados que em nada me atingem, pois eu sei o que sinto e posso e consigo amar-te sem mesmo nunca ter te visto. Isso é incompreensível para quem não conhece o amor e eu respeito a opinião deste “pobre ser”, que se diz humano e ainda não sabe amar.

Os questionamentos que me são dirigidos são vários como seguem: “como tu podes me amar se nunca me viste? Eu não te conheço e não aceito esta cantada “barata”; vai procurar tua turma, ok? Eu não preciso do teu amor, pois o “meu marido me ama”, então não me incomode! Nem sei quem tu és e vens me dizer tais asneiras, quem tu pensas que és idiota? Nem me tente “cantar”, por quem me tomas?” E por aí vai! São inúmeras as indelicadezas que eu até rio muito e me divirto com tais corações endurecidos e medíocres.

O amor é comparado como um espelho pelo escritor Pablo Neruda; ele diz que “quem ama reflete o amor e se você é esquecido por alguém, convém que você esqueça-o também”. O amor é para ser refletido como o espelho nos reflete e quem não te ama não pode ter o reflexo do teu amor. E é assim que eu penso e ajo no meu dia a dia amando todas as pessoas sem me preocupar se eu as conheço ou não. Eu não preciso ver o ar, o vento, a luz e mesmo Deus para sentir que amo a todos e necessito deles para sobreviver.

Jamais diga que o teu marido te ama, pois tu podes estar enganada; ele pode muito bem estar amando mais a vizinha do que tu imaginas. Só o teu marido ou tua esposa sabe o que se passa pelo coração deles. Portanto eu conheço o meu coração e posso dizer que amo uma poetisa lá da Paraíba, do Recife, do Maranhão, da Bahia, do Paraná e etc. mesmo sem nunca ter visto tal poetisa e menos ainda ter ido a tais Estados porque eu sei que eu nasci para AMAR indistintamente o meu irmão em CRISTO!

Portanto, parem de me interpretar mal e não te sintas obrigada a ser amada por mim; pense no espelho de NERUDA, pois se sou esquecido e não amado por ti o inverso é verdadeiro. Não necessito do teu amor se tu desprezas o meu amor por ti. DEUS tudo pode, mas há uma só coisa que ELE não pode que é “DEIXAR DE AMAR-TE” porque ELE é o AMOR! Como pode então o AMOR não amar? A partir de agora sejam mais compreensivos (as) comigo porque EU TE AMO de maneira incondicional como DEUS te ama e dos meus sentimentos eu sou profundo conhecedor! E está dito!




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   21   22   23   24   25   26   27   28   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal