[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!



Baixar 2,07 Mb.
Página216/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   212   213   214   215   216   217   218   219   ...   354
Súplica aos jovens!

Ouçam com sabedoria o conselho dos seus pais para que vocês possam não cometer os mesmos erros cometidos por eles, para que vocês possam viver situações menos complicadas em seus verdes anos. Leiam o capítulo três, na íntegra, do livro bíblico Eclesiastes e lá vocês saberão que na vida há tempo para tudo; não queiram atropelar as coisas e fazer como muitos jovens fazem, deixando se levarem pela euforia do momento e jogarem suas lindas vidas nos cestos de lixo de onde não mais conseguem retirá-las.

Eu tenho sofrido com exemplos, na minha família, de jovens que se deram mal por não ouvir os conselhos dos seus pais e que se meteram em enrascadas que lhes prejudicaram toda a sua fase de juventude e que terão enormes dificuldades para reconstruírem suas vidas. E o pior é que culpam seus pais pelo “fracasso” deles. Sempre estão a dizer: “eu não pedi pra nascer e a culpa é toda sua, meu pai”. É terrível ouvir isso!

Conto-lhes, meus caros jovens, algumas histórias reais com as quais convivo em minha família, lamentavelmente. Tenho três “sobrinhos” presos, na verdade são filhos de primas minhas, pois não tenho sobrinhos consanguíneos; minhas irmãs não me deram sobrinhos. Um deles está preso por “receptação”, pois comprou uma moto roubada, tamanha era a sua vontade de ter uma motocicleta e não se preocupou em saber a procedência dela, mesmo sabendo ser o preço pago por ele inferior ao de mercado; quis se dar bem e se deu mal. Já está há mais de três anos vendo o sol nascer quadrado numa prisão muito diferente da que eu fiquei, pois a prisão militar é um hotel cinco estrelas; um quartel!

Outro sobrinho enveredou-se pelo mundo das drogas e esteve preso por três vezes sob a acusação de envolvimento com o tráfico; “mula”, no dizer dos traficantes porque ele nem tem capacidade para ser um grande traficante, antes um “besta quadrado”. Ouvi dizer que está em liberdade, mas isso não vai durar muito. O terceiro, também viciado em drogas, incrivelmente não está preso por envolvimento com drogas, mas por ter acompanhado um drogado na prática de um assalto numa sorveteria. Ele nem assaltou, apenas estava do lado de fora aguardando o outro que entrou, anunciou o assalto e saiu com a grana. Ele entrou de “gaiato no navio” e passou seu primeiro Natal na prisão.

Pior do que esses relatos acima é o drama que eu vivo com o meu único filho “doente gastador compulsivo” e com minha nora que é portadora da mesma “doença”. Não dá pra ter tudo o que eles querem com o mísero salário dele (ela não trabalha, só gasta e procria), e com o consumismo desvairado de ambos. Eles não aceitam conselhos e retrucam dizendo que “se conselhos fossem bons ninguém os davam, mas os vendiam”. Quase apanhei ao dizer a eles que “o segredo do sucesso é o planejamento”! Meus caros jovens ouçam mais os seus pais porque eles amam vocês. E está dito!




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   212   213   214   215   216   217   218   219   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal