[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!


Eu já fui “imbecil” a ponto de me deixar envolver em confusões banais, mas hoje eu “cresci” o suficiente para entender o óbvio: “QUANDO UM NÃO QUER, DOIS NÃO BRIGAM!”



Baixar 2,07 Mb.
Página158/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   154   155   156   157   158   159   160   161   ...   354
Eu já fui “imbecil” a ponto de me deixar envolver em confusões banais, mas hoje eu “cresci” o suficiente para entender o óbvio: “QUANDO UM NÃO QUER, DOIS NÃO BRIGAM!”

Abaixo a violência! E que sejamos propagadores da paz hoje e sempre.

Ela está se cansando...

Eram muito jovens quando se conheceram e foi amor à primeira vista. Casaram-se de imediato. Ela com 17 anos e ele um pouco mais. Ambos, meninos ainda.

No início foi muito amor e, felizmente, não vieram os filhos porque ela não se sentia preparada para ser mãe (confessou-me ela). Isso já demonstrou sinal de maturidade dela que também afirmou que ele manifestou o desejo de não ser pai por dizer não suportar crianças. De comum acordo, não tiveram filhos. Menos mal.

Ela reclama que o marido não cresceu e que nutre os mesmos sentimentos do menino apaixonado por vídeo games, desenhinhos animados, carrinhos de controle remoto e etc. Ocorre que ela é mulher e quer ser vista como tal. Ela é romântica, ama ler e escrever e espera que o “maridinho” assuma papel de homem e se liberte das suas fantasias de menino, pois já se passaram dez anos e ele não se deu conta de que cresceu.




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   154   155   156   157   158   159   160   161   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal