[A vida como ela é] Aquela simpática senhora!


As mulheres que eu prefiro!



Baixar 2,07 Mb.
Página11/354
Encontro29.11.2019
Tamanho2,07 Mb.
1   ...   7   8   9   10   11   12   13   14   ...   354
As mulheres que eu prefiro!

Eu sou extremamente seletivo e “negro bom não se mistura”, muito embora eu seja mais leite do que café. Contudo quando a questão é a minha preferência pelo “sexo frágil”, eu costumo dizer que prefiro as “Amélias” e não as “Damas da Noite”. Uma mulher fogosa pode até atiçar os meus mais insanos desejos, mas eu prefiro as religiosas. Prefiro mulheres pequenas, “fresquinhas”, “patricinhas”, desde que sejam fascinantes e brilhantes e inteligentes.

Não, definitivamente eu não me sinto atraído por mulheres “gostosonas”, cheias de atributos, mulatas sensuais e sedutoras, mulheres com traseiros de “tanajuras” e de corpo sarado e etc. e tal. Eu sou muito mais aquelas mulheres bem meninas, pequeninas, meigas, doces, cheirosas, românticas, de olhos azuis ou verdes, mulheres bem femininas, que gostam de literatura e artes em geral, que dançam “ballet”, que leiam romances, que saibam cruzar as pernas, que dancem boleros comigo, que saibam falar francês, enfim, que tenham no mínimo cinquenta por cento das qualidades acima citadas entre outras. É claro que precisa ser uma excelente dona de casa e companheira fora dela, sem contar que precisa ser uma “puta” entre quatro paredes; isso é fundamental e somente Marli foi tudo isso pra mim, muito embora não falasse francês e sim italiano.

Estabeleço paralelos só para que saibam de que tipo de mulheres eu gosto muito: atrizes não, eu prefiro as jornalistas; esportistas não, eu prefiro as intelectualizadas; policiais ou Advogadas jamais, pois prefiro as secretárias; Ivete Sangalo nem pensar, prefiro Mariana Godoy; meretrizes nem em sonho, prefiro poetisas; enfermeiras sim, parteiras não; mulher pequena sim, grandes eu dispenso; mulher que fala alto, bebe e fuma não, prefiro as mais recatadas. Enfim, eu sou assim e tenho meus gostos em relação a elas.

Uma mulher bem feminina, cheirosa, gostosa, com aqueles seios que encaixam em minhas mãos, que fala sussurrando aos meus ouvidos, que seja simples, humilde, delicada, gentil, companheira, fascinante, brilhante, culta, inteligente como poucas deste espaço é tudo o que eu sempre sonhei pra mim. Algumas devem se perguntar: “e a sua esposa tem essas qualidades?”. Sim, ela tem algumas dessas qualidades, mas faltam muitas outras. Cidinha é pequena, mantém seu corpo em boa forma sem fazer nada de excepcional, é carinhosa, humilde, simples, excelente dona de casa, é avessa ao conhecimento, não fala outros idiomas, não toca piano, não gosta de ler nem minhas crônicas, entretanto é a mulher que eu escolhi para amar. E está dito!




Compartilhe com seus amigos:
1   ...   7   8   9   10   11   12   13   14   ...   354


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal