1 Antropologia como saber científico: objeto e método1 Etimologicamente



Baixar 36,45 Kb.
Página1/13
Encontro01.05.2018
Tamanho36,45 Kb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   13

1 Antropologia como saber científico: objeto e método1
Etimologicamente, a palavra antropologia deriva de duas palavras – anthropos, que significa homem; logia que significa estudo, logo antropologia é o estudo do homem. E como saber científico ela preocupa-se em conhecer cientificamente o ser humano na sua totalidade, conferindo-lhe desse modo o tríplice aspecto:

  1. Ciência social: tem como proposta conhecer o homem enquanto membro integrante de grupos organizados;

  2. Ciência humana: neste caso se propõe a estudar o homem em sua totalidade, buscando investigar sua história, suas crenças, usos e costumes, filosofia, linguagem, dentre outros aspectos; e

  3. Ciência natural: volta-se ao estudo do homem e sua evolução destacando o conhecimento psicossomático2 do mesmo.

Podemos afirmar que a antropologia é a mais cientifica das humanidades e a mais humana das ciências. Seu objetivo visa ao estudo holístico da humanidade, de suas origens, desenvolvimento, organização política e social, religiões, línguas, artes e artefatos. É a ciência que mantém relação com as duas outras ciências: a biológica e a cultural, sendo que com a primeira concentra-se nos aspectos físico e a segunda no aspecto cultural.
Conceituação: Antropologia em sua definição mais ampla é a ciência que estuda o homem, suas produções e seu comportamento. Interessa-se pelo homem como um todo – isto é, como ser biológico e ser cultural, têm como preocupação revelar os fatos da natureza e da cultura. É a ciência que tenta compreender a existência humana em todos os aspectos, no espaço e no tempo, partindo do princípio da estrutura biopsíquico. Busca também compreender as manifestações culturais, do comportamento e da vida social.




Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   13


©psicod.org 2017
enviar mensagem

    Página principal