1- edital processo seletivo- motorista e monitor (1)



Baixar 0,52 Mb.
Página4/61
Encontro05.12.2019
Tamanho0,52 Mb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   61
2. DOS CARGOS E VAGAS
2.1 Vagas para todas as localidades do Município



Agente de Abordagem Social

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Experiência na abordagem social na área de proteção social especial.



- Vencimento mensal

R$ 1.166,01

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Agente Fiscal Sanitário

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo.

- Curso Básico em Vigilância Sanitária, ou áreas afins.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Artesão

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão responsável.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Assistente Social I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Assistência Social;

- Inscrição no conselho de classe.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais

Atendente de Consultório Dentário do Programa de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão competente.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Auxiliar de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão competente.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Cirurgião Dentista do Programa de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Odontologia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 3.300,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Cirurgião Dentista I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Odontologia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Coordenador de Enfermagem da ESF

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.980,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

20 horas semanais




Enfermeiro I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Engenheiro de Segurança do Trabalho

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Arquitetura ou Engenharia, com respecialização em Engenharia de Segurança do Trabalho;

- Inscrição no Conselho de regional de Classe.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais

Farmacêutico

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Farmácia;

- Inscrição Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Fisioterapeuta I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Fisioterapia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Fonoaudiólogo

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Fonoaudiologia;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Gerente da Atenção Básica

CR

- Pré-requisito

- Graduação em curso superior;

- Experiência mínima de 1 (um) ano na Atenção Básica.



- Vencimento mensal

R$ 1.980,00

- Carga horária

40 horas semanais




Médico da ESF

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Medicina;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 9.000,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Médico Veterinário

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Medicina Veterinária;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

10 horas semanais




Merendeira

CR

- Pré-requisito

- Ensino Fundamental “II”

- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Carga horária

40 horas semanais


Monitor de Transporte Escolar

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Curso de Monitor de Transporte Escolar.



- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Ambulância

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Capacitação de Condutores de Veículos de Transporte e de Veículos de Emergência, conforme Resolução nº 275/2008, que altera o anexo II da Resolução nº 168/2004 do Contran;

- Certidão negativa de pontuação da CNH.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Veiculos Leves e Pesados

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Certidão negativa de pontuação da CNH.


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Transporte Escolar

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Certidão negativa de pontuação da CNH;

- Curso especializado em Motorista de Transporte Escolar, nos termos da Regulamentação do Contran, em vigência;

- Certidão negativa de registro criminal relativamente aos crimes de homicídio, roubo, estupro e corrupção de menores, renovável a cada 5 anos junto ao órgão responsável pela respectiva concessão ou autorização, conforme previsto no artigo 329 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Nutricionista I

CR

- Pré requisito

- Garduação em Nutrição;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais


Operador de Maquinas I

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Curso de qualificação na área;

- Certidão negativa de pontuação da CNH;



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais

Profissional de Educação Física

CR

- Pré requisito

- Graduação em Educação Física;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Psicólogo I

CR

- Pré requisito

- Graduação em Psicologia;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Técnico em Enfermagem

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Habilitação na área específica;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Técnico em Enfermagem da ESF

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Curso completo de Técnico em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.


- Vencimento mensal

R$ 1.251,07

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais

CR = cadastro de reserva
2.2. Vagas para as localidades de Acioli e Barra do Triunfo:


Merendeira

CR

- Pré-requisito

- Ensino Fundamental “II”

- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Carga horária

40 horas semanais

2.3. As vagas para as localidades de Acioli e Barra do Triunfo que não forem preenchidas por candidatos que optaram por aquelas localidades, poderão ser preenchidas por candidatos que se inscreveram para todas as localidades.
3. DAS INSCRIÇÕES


LOCAL

A inscrição será realizada, exclusivamente, na sede da Prefeitura Municipal de João Neiva, localizada à Avenida Presidente Vargas, 157, Centro, João Neiva/ES, CEP 29680-000.

PERÍODO

03/12/2019 a 06/12/2019.

HORÁRIO

8h às 11h e 13h as 16h, considerando o horário oficial de Brasília/DF.


3.1. As inscrições para o presente Processo Seletivo serão gratuitas.
3.2. No ato da incnrição, o condito deverá apresentar cópia dos seguintes documentos:
I. cópia do documento oficial de identificação com foto;

II. documentos exigidos no pré requesito do cargo ao qual irá concorrer, conforme item 2.1 e 2.2.
3.3. São requisitos básicos para a investidura no cargo:
I. ser brasileiro nato ou naturalizado, nos termos do artigo 12 da Constituição Federal;

II. possuir a escolaridade e requisitos básicos exigidos para o cargo;

III. ter, na data da contratação, a idade mínima de 18 anos completos e máxima de 70 incompletos;

IV. não ter contrato temporário rescindido pela Prefeitura Municipal de Administração por falta disciplinar;

V. não ser portador de deficiência incompatível com o exercício da atividade a ser desempenhada;

VI. não exercer cargo, emprego ou função pública na Administração Pública direta e indireta da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, bem como de empregados ou servidores de suas subsidiárias e controladas, exceto nos casos previstos no XVI, do art. 37, da CF/88 e inciso XVI, do art. 70 da Lei Orgânica do Município;

VII. ter boa conduta;

VIII. não possuir antecedentes criminais.
3.4. É de inteira e exclusiva responsabilidade do candidato o completo e correto preenchimento dos dados de inscrição, bem como a veracidade das informações declaradas, não sendo possível realizar correções depois de efetivada a inscrição.

3.5. Ao efetuar a inscrição, o candidato declara que conhece e concorda plena e integralmente com os termos estabelecidos neste Edital e seus Anexos, em relação aos quais não poderá alegar qualquer espécie de desconhecimento.
3.6. O candidato deverá, no ato da inscrição, marcar em campo específico da Ficha de Inscrição sua opção de cargo. Depois de efetivada a inscrição, não será aceito pedido de alteração desta opção.
3.7. A Comissão deste Processo Seletivo não se responsabiliza por eventuais prejuízos causados pelo preenchimento incorreto dos dados de inscrição ou por qualquer outro ato equivocado do candidato.
3.8. É de responsabilidade do candidato acompanhar constantemente os prazos referentes a este Processo Seletivo, desde o Edital de abertura até a convocação.
3.9. É vedada a inscrição condicional ou por correspondência, contudo, permitir-se-á a inscrição por procuração, mediante a apresentação do respectivo instrumento, com firma reconhecida em cartório, acompanhada de documento de identificação oficial com foto do procurador.
3.10. Para a inscrição, o candidato ou seu procurador, deverá comparecer à sede da Prefeitura Municipal de João Neiva munido de:
I. ficha de inscrição, devidamente preenchida a caneta azul ou preta, com letra legível, sem rasuras ou emendas, não devendo ser usado corretivo;
3.11. Só será aceita 1 (uma) inscrição por CPF.
3.12. A Comissão reserva-se o direito de exigir, a qualquer tempo, documentos que atestem a condição que motiva a solicitação de atendimento específico declarado.
4. DAS VAGAS DESTINADAS A CANDIDATOS COM DEFICIÊNCIA
4.1. Em cumprimento ao disposto no art. 37 do Decreto Regulamentar nº 3.298, de 20/12/1999, ficam reservados 5% (cinco por cento) do total das vagas de cada cargo, destinadas aos candidatos com deficiência, compatível com a atividade escolhida.
4.2. Na hipótese da aplicação do percentual resultar número fracionado, este deverá ser elevado até o primeiro número inteiro subsequente.
4.3. O candidato com deficiência além de figurar na listagem especial, constará também na listagem geral, concorrendo em igualdade de condições com os demais aprovados, observando a ordem de classificação.
4.4. A pessoa com deficiência que pretende concorrer às vagas reservadas deverá, sob as penas da lei, declarar esta condição no campo específico da Ficha de Inscrição.
4.5. O candidato que não declarar a deficiência conforme estabelecido no subitem 4.4, ou deixar de entregar o laudo médico ou especifica-lo fora do prazo determinado, perderá a prerrogativa em concorrer às vagas reservadas.
4.6. Caso haja necessidade de condições especiais para se submeter às provas objetiva e prática, o candidato deverá solicitá-las no ato da inscrição, no campo específico da Ficha de Inscrição, indicando claramente quais os recursos especiais necessários, arcando o candidato com as consequências de sua omissão.
4.7. Para concorrer a uma dessas vagas, o candidato deverá no ato da entrega dos documentos e títulos:
I. comprovar a espécie e o grau ou nível da deficiência, mediante laudo médico (original), emitido nos últimos 3 (três) meses, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), bem como a provável causa da deficiência.

II. o laudo médico deverá atestar também a compatibilidade da deficiência com o exercício das atividades do cargo pleiteado.
4.8. O laudo médico (original) terá validade somente para este Processo Seletivo e não será devolvido, assim como não serão fornecidas cópias desse laudo.
4.9. A relação dos candidatos que tiverem a inscrição deferida para concorrer na condição de deficiente será divulgada no endereço eletrônico www.joaoneiva.es.gov.br e no local onde foram realizadas as inscrições
4.10. As vagas para pessoas com deficiência que não forem providas por falta de candidatos com deficiência, serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificação por cargo/formação.
4.11. Fica assegurado a pessoas com deficiência o direito de inscrição no presente Processo Seletivo, desde que sua deficiência seja compatível com as atribuições e atividades do cargo pleiteado.
5. DA PROVA DE CONHECIMENTOS
5.1. Será aplicada prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório para todos os cargos, com duração máxima de 3 horas.
5.2. A prova objetiva conterá 20 questões de múltipla escolha, com 04 (quatro) alternativas de respostas (A, B, C e D), das quais haverá uma única resposta correta, valendo 1,0 (um) ponto cada, totalizando 10 (dez) pontos.
5.3. Cada questão correta vale 1,0 ponto, sendo o valor máximo da prova 20 pontos.
5.4. Será considerado classificado apenas os candidatos que acertarem, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) da prova objetiva.
5.5. Será eliminado do presente Processo Seletivo o candidato que não comparecer para a realização de qualquer das provas previstas neste Edital.
5.6. Os candidatos receberão caderno de prova e um cartão resposta, que deverá ser preenchido em caneta azul ou preta sem rasuras e assinado pelo mesmo, sendo este de sua estrita responsabilidade.
5.7. O candidato somente poderá levar o caderno de provas após 1 (um) hora do início da mesma.
5.8. O candidato deverá transcrever as respostas da prova objetiva para o Cartão de Respostas, que será o único documento válido para correção.
5.9. O candidato deverá marcar, para cada questão, somente uma das opções de resposta. Será atribuída nota 0 (zero) à questão com mais de uma opção marcada, sem opção marcada, com emenda ou rasura.
5.10. As provas serão realizadas na EMEF “Professora Maria Olíria Sarcinelli Campagnaro”, localizada à Rua Negri Orestes, 398, Centro, João Neiva/ES, CEP 29680-000.
5.11. O candidato deverá comparecer ao local de prova com antecedência mínima de 30 minutos, munido de comprovante inscrição, documento oficial de identificação com foto e caneta esferográfica de tinta azul ou preta.
5.12. Não será permitido o ingresso de candidato no local de realização de provas sob pretexto algum, após o fechamento dos portões.
5.13. Durante todo o período em que permanecer no local de realização de provas, o candidato deverá manter o celular desligado, sendo permitido ligá-lo somente após ultrapassar o portão de saída do prédio. Caso o aparelho toque, emita qualquer ruído, alarme, ou seja, o candidato surpreendido manuseando o aparelho durante a realização das provas, o mesmo será eliminado, mediante registro em ata pelo fiscal e, no mínimo, 2 (duas) testemunhas.
5.14. Conteúdo programático:


Cargo

Contéudo Programático

Agente de Abordagem Social

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos, geometria, grandezas e medidas, estatística e probabilidade;

- Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) (1993)

- Política Nacional de Assistência Social (PNAS) (2004).

- Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS (2005). Norma operacional Básica de Recursos Humanos do Sistema Único de Assistência Social – NoB-RH/SuAS (2006).

- Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069, de 13 de julho de 1990 e suas alterações: Lei 11.829, de 25 de novembro de 2008).

- Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/2015)

- Estatuto do Idoso (Lei 10.741, de 1º de outubro de 2003).

- Lei Maria da Penha (Lei 11.340 de 2006).

- Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais. Resolução Nº 109, de 11 de novembro de 2009. • Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), 2009.

- Lei do SUAS, Lei nº 12.435, de 6 de julho de 2011, que altera a LOAS e dispõe sobre a organização da Assistência Social. • Resolução CNAS nº 09, de 18 de abril de 2013.

- Caderno Perguntas e Respostas – Serviço Especializado em Abordagem Social – MC.



Agente Fiscal Sanitário

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Lei nº 6.066/99, Manual de Processo Administrativo Sanitário, Vitória/2013) e Lei Municipal nº 970/99, Código Municipal de Vigilância Sanitária.


Artesão

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 27 e 34 e Portaria nº 3.0888/11).


Assistente Social I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 2734 e Portaria nº 3.0888/11).

- Constituição da República Federativa do Brasil (1988);

- Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS (1993)

- Política Nacional de Assistência Social – PNAS (2004).

- Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS (2005). Norma operacional Básica de Recursos Humanos do Sistema Único de Assistência Social – NoB-RH/SuAS (2006).

- Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069, de 13 de julho de 1990 e suas alterações: Lei 11.829, de 25 de novembro de 2008).

- Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/2015)

- Estatuto do Idoso (Lei 10.741, de 1º de outubro de 2003).

- Lei Maria da Penha (Lei 11.340 de 2006).

- Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais. Resolução Nº 109, de 11 de novembro de 2009. • Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), 2009.

- Legislações sobre o Cadastro Único para Programas Sociais e o Programa Bolsa Família; “Lei do SUAS”. Lei Nº 12.435, de 6 de julho de 2011 que altera a LOAS e dispõe sobre a organização da Assistência Social. • Resolução CNAS nº 09, de 18 de abril de 2013.


Atendente de Consultório Dentário do Programa de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Auxiliar de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Cirurgião Dentista do Programa de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Cirurgião Dentista I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Coordenador de Enfermagem da Estratégia Saúde da Família (ESF)

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Enfermeiro I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, Porcentagem, Gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Engenheiro de Segurança do Trabalho

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinenente (Lei Federal nº 6514/77, Portaria nº 3214/78 e Lei 8213/91).


Farmacêutico

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, orcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e nº 344/98, Resolução da Diretoria Colegiada – RDC nº 44/09, Resolução do Conselho Nacional e Saúde nº 338/04).


Fisioterapeuta da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Fisioterapeuta I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Fonoaldiólogo

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Gerente da Atenção Básica

- Português: análise de textos e coesão e coerência

- Matemática: números e operações, álgebra e funções, geometria, grandezas e medidas, estatística e probabilidade;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Médico da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).


Médico Veterinário

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação e conhecimento específico da área, em especial a Lei Federal nº 7.889/89 e Decreto Federala nº 9.013/17).


Merendeira

- Português: análise de textos, coesão e coerência textual;

- Matemática: números e operações, situações problemas envolvendo as quatro operações.



Monitor de Transporte Escolar

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Lei nº 8.069/1990, Estatuto da Criança e Adolescente.



Motorista de Ambulância

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro.


Motorista de Veículos Leves e Pesados

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro.


Motorista de Transporte Escolar

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Lei nº 8.069/1990 – Estatuto da Criança e Adolescente;

- Demais legislações e conhecimentos específicos da área.


Nutricionista

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017, Política Nacional de Alimentação e Nutrição – PNAN/2013, Guia Alimentar para a População Brasileira, Ministério da Saúde, 2014, Inciso II, VI e VII do artigo 3º,. Incisos III,IV,VI, XI e Parágrafo Único do Artigo 4º da Lei Federal nº 8.234, de 17 de setembro de 1991. Programa Naicnal de Alimentação Escolar (PNAE).


Operador de Máquinas I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, Gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Legislação e conhecimento especificos da área.



Profissional de Educação Física

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Psicólogo I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 27 e 34 e Portaria nº 3.0888/11).


Técnico em Enfermagem

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).


Técnico em Enfermagem da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;



- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).






Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   61


©psicod.org 2019
enviar mensagem

    Página principal