1- edital processo seletivo- motorista e monitor (1)



Baixar 272.4 Kb.
Página4/61
Encontro05.12.2019
Tamanho272.4 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   61
2. DOS CARGOS E VAGAS
2.1 Vagas para todas as localidades do Município



Agente de Abordagem Social

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Experiência na abordagem social na área de proteção social especial.



- Vencimento mensal

R$ 1.166,01

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Agente Fiscal Sanitário

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo.

- Curso Básico em Vigilância Sanitária, ou áreas afins.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Artesão

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão responsável.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Assistente Social I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Assistência Social;

- Inscrição no conselho de classe.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais

Atendente de Consultório Dentário do Programa de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão competente.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Auxiliar de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Ensino Médio Completo;

- Registro no órgão competente.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Cirurgião Dentista do Programa de Saúde Bucal

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Odontologia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 3.300,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Cirurgião Dentista I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Odontologia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Coordenador de Enfermagem da ESF

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.980,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

20 horas semanais




Enfermeiro I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Engenheiro de Segurança do Trabalho

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Arquitetura ou Engenharia, com respecialização em Engenharia de Segurança do Trabalho;

- Inscrição no Conselho de regional de Classe.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais

Farmacêutico

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Farmácia;

- Inscrição Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Fisioterapeuta I

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Fisioterapia;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Fonoaudiólogo

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Fonoaudiologia;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

30 horas semanais




Gerente da Atenção Básica

CR

- Pré-requisito

- Graduação em curso superior;

- Experiência mínima de 1 (um) ano na Atenção Básica.



- Vencimento mensal

R$ 1.980,00

- Carga horária

40 horas semanais




Médico da ESF

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Medicina;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 9.000,00

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Médico Veterinário

CR

- Pré-requisito

- Graduação em Medicina Veterinária;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

10 horas semanais




Merendeira

CR

- Pré-requisito

- Ensino Fundamental “II”

- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Carga horária

40 horas semanais


Monitor de Transporte Escolar

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Curso de Monitor de Transporte Escolar.



- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Ambulância

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Capacitação de Condutores de Veículos de Transporte e de Veículos de Emergência, conforme Resolução nº 275/2008, que altera o anexo II da Resolução nº 168/2004 do Contran;

- Certidão negativa de pontuação da CNH.



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Veiculos Leves e Pesados

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Certidão negativa de pontuação da CNH.


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Motorista de Transporte Escolar

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Certidão negativa de pontuação da CNH;

- Curso especializado em Motorista de Transporte Escolar, nos termos da Regulamentação do Contran, em vigência;

- Certidão negativa de registro criminal relativamente aos crimes de homicídio, roubo, estupro e corrupção de menores, renovável a cada 5 anos junto ao órgão responsável pela respectiva concessão ou autorização, conforme previsto no artigo 329 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Nutricionista I

CR

- Pré requisito

- Garduação em Nutrição;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais


Operador de Maquinas I

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Carteira Nacional de Habilitação categoria mínima “D”;

- Curso de qualificação na área;

- Certidão negativa de pontuação da CNH;



- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais

Profissional de Educação Física

CR

- Pré requisito

- Graduação em Educação Física;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Psicólogo I

CR

- Pré requisito

- Graduação em Psicologia;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.



- Vencimento mensal

R$ 1.876,61

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Técnico em Enfermagem

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Habilitação na área específica;

- Registro no Conselho de Classe correspondente.


- Vencimento mensal

R$ 1.042,56

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais




Técnico em Enfermagem da ESF

CR

- Pré requisito

- Ensino médio completo;

- Curso completo de Técnico em Enfermagem;

- Inscrição no Conselho de Classe correspondente.


- Vencimento mensal

R$ 1.251,07

- Vale Alimentação

R$ 200,00

- Carga horária

40 horas semanais

CR = cadastro de reserva
2.2. Vagas para as localidades de Acioli e Barra do Triunfo:


Merendeira

CR

- Pré-requisito

- Ensino Fundamental “II”

- Vencimento mensal

R$ 868,80 + 129,20 (complementação)

Total: 998,00



- Carga horária

40 horas semanais

2.3. As vagas para as localidades de Acioli e Barra do Triunfo que não forem preenchidas por candidatos que optaram por aquelas localidades, poderão ser preenchidas por candidatos que se inscreveram para todas as localidades.
3. DAS INSCRIÇÕES


LOCAL

A inscrição será realizada, exclusivamente, na sede da Prefeitura Municipal de João Neiva, localizada à Avenida Presidente Vargas, 157, Centro, João Neiva/ES, CEP 29680-000.

PERÍODO

03/12/2019 a 06/12/2019.

HORÁRIO

8h às 11h e 13h as 16h, considerando o horário oficial de Brasília/DF.


3.1. As inscrições para o presente Processo Seletivo serão gratuitas.
3.2. No ato da incnrição, o condito deverá apresentar cópia dos seguintes documentos:
I. cópia do documento oficial de identificação com foto;

II. documentos exigidos no pré requesito do cargo ao qual irá concorrer, conforme item 2.1 e 2.2.
3.3. São requisitos básicos para a investidura no cargo:
I. ser brasileiro nato ou naturalizado, nos termos do artigo 12 da Constituição Federal;

II. possuir a escolaridade e requisitos básicos exigidos para o cargo;

III. ter, na data da contratação, a idade mínima de 18 anos completos e máxima de 70 incompletos;

IV. não ter contrato temporário rescindido pela Prefeitura Municipal de Administração por falta disciplinar;

V. não ser portador de deficiência incompatível com o exercício da atividade a ser desempenhada;

VI. não exercer cargo, emprego ou função pública na Administração Pública direta e indireta da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, bem como de empregados ou servidores de suas subsidiárias e controladas, exceto nos casos previstos no XVI, do art. 37, da CF/88 e inciso XVI, do art. 70 da Lei Orgânica do Município;

VII. ter boa conduta;

VIII. não possuir antecedentes criminais.
3.4. É de inteira e exclusiva responsabilidade do candidato o completo e correto preenchimento dos dados de inscrição, bem como a veracidade das informações declaradas, não sendo possível realizar correções depois de efetivada a inscrição.

3.5. Ao efetuar a inscrição, o candidato declara que conhece e concorda plena e integralmente com os termos estabelecidos neste Edital e seus Anexos, em relação aos quais não poderá alegar qualquer espécie de desconhecimento.
3.6. O candidato deverá, no ato da inscrição, marcar em campo específico da Ficha de Inscrição sua opção de cargo. Depois de efetivada a inscrição, não será aceito pedido de alteração desta opção.
3.7. A Comissão deste Processo Seletivo não se responsabiliza por eventuais prejuízos causados pelo preenchimento incorreto dos dados de inscrição ou por qualquer outro ato equivocado do candidato.
3.8. É de responsabilidade do candidato acompanhar constantemente os prazos referentes a este Processo Seletivo, desde o Edital de abertura até a convocação.
3.9. É vedada a inscrição condicional ou por correspondência, contudo, permitir-se-á a inscrição por procuração, mediante a apresentação do respectivo instrumento, com firma reconhecida em cartório, acompanhada de documento de identificação oficial com foto do procurador.
3.10. Para a inscrição, o candidato ou seu procurador, deverá comparecer à sede da Prefeitura Municipal de João Neiva munido de:
I. ficha de inscrição, devidamente preenchida a caneta azul ou preta, com letra legível, sem rasuras ou emendas, não devendo ser usado corretivo;
3.11. Só será aceita 1 (uma) inscrição por CPF.
3.12. A Comissão reserva-se o direito de exigir, a qualquer tempo, documentos que atestem a condição que motiva a solicitação de atendimento específico declarado.
4. DAS VAGAS DESTINADAS A CANDIDATOS COM DEFICIÊNCIA
4.1. Em cumprimento ao disposto no art. 37 do Decreto Regulamentar nº 3.298, de 20/12/1999, ficam reservados 5% (cinco por cento) do total das vagas de cada cargo, destinadas aos candidatos com deficiência, compatível com a atividade escolhida.
4.2. Na hipótese da aplicação do percentual resultar número fracionado, este deverá ser elevado até o primeiro número inteiro subsequente.
4.3. O candidato com deficiência além de figurar na listagem especial, constará também na listagem geral, concorrendo em igualdade de condições com os demais aprovados, observando a ordem de classificação.
4.4. A pessoa com deficiência que pretende concorrer às vagas reservadas deverá, sob as penas da lei, declarar esta condição no campo específico da Ficha de Inscrição.
4.5. O candidato que não declarar a deficiência conforme estabelecido no subitem 4.4, ou deixar de entregar o laudo médico ou especifica-lo fora do prazo determinado, perderá a prerrogativa em concorrer às vagas reservadas.
4.6. Caso haja necessidade de condições especiais para se submeter às provas objetiva e prática, o candidato deverá solicitá-las no ato da inscrição, no campo específico da Ficha de Inscrição, indicando claramente quais os recursos especiais necessários, arcando o candidato com as consequências de sua omissão.
4.7. Para concorrer a uma dessas vagas, o candidato deverá no ato da entrega dos documentos e títulos:
I. comprovar a espécie e o grau ou nível da deficiência, mediante laudo médico (original), emitido nos últimos 3 (três) meses, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10), bem como a provável causa da deficiência.

II. o laudo médico deverá atestar também a compatibilidade da deficiência com o exercício das atividades do cargo pleiteado.
4.8. O laudo médico (original) terá validade somente para este Processo Seletivo e não será devolvido, assim como não serão fornecidas cópias desse laudo.
4.9. A relação dos candidatos que tiverem a inscrição deferida para concorrer na condição de deficiente será divulgada no endereço eletrônico www.joaoneiva.es.gov.br e no local onde foram realizadas as inscrições
4.10. As vagas para pessoas com deficiência que não forem providas por falta de candidatos com deficiência, serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificação por cargo/formação.
4.11. Fica assegurado a pessoas com deficiência o direito de inscrição no presente Processo Seletivo, desde que sua deficiência seja compatível com as atribuições e atividades do cargo pleiteado.
5. DA PROVA DE CONHECIMENTOS
5.1. Será aplicada prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório para todos os cargos, com duração máxima de 3 horas.
5.2. A prova objetiva conterá 20 questões de múltipla escolha, com 04 (quatro) alternativas de respostas (A, B, C e D), das quais haverá uma única resposta correta, valendo 1,0 (um) ponto cada, totalizando 10 (dez) pontos.
5.3. Cada questão correta vale 1,0 ponto, sendo o valor máximo da prova 20 pontos.
5.4. Será considerado classificado apenas os candidatos que acertarem, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) da prova objetiva.
5.5. Será eliminado do presente Processo Seletivo o candidato que não comparecer para a realização de qualquer das provas previstas neste Edital.
5.6. Os candidatos receberão caderno de prova e um cartão resposta, que deverá ser preenchido em caneta azul ou preta sem rasuras e assinado pelo mesmo, sendo este de sua estrita responsabilidade.
5.7. O candidato somente poderá levar o caderno de provas após 1 (um) hora do início da mesma.
5.8. O candidato deverá transcrever as respostas da prova objetiva para o Cartão de Respostas, que será o único documento válido para correção.
5.9. O candidato deverá marcar, para cada questão, somente uma das opções de resposta. Será atribuída nota 0 (zero) à questão com mais de uma opção marcada, sem opção marcada, com emenda ou rasura.
5.10. As provas serão realizadas na EMEF “Professora Maria Olíria Sarcinelli Campagnaro”, localizada à Rua Negri Orestes, 398, Centro, João Neiva/ES, CEP 29680-000.
5.11. O candidato deverá comparecer ao local de prova com antecedência mínima de 30 minutos, munido de comprovante inscrição, documento oficial de identificação com foto e caneta esferográfica de tinta azul ou preta.
5.12. Não será permitido o ingresso de candidato no local de realização de provas sob pretexto algum, após o fechamento dos portões.
5.13. Durante todo o período em que permanecer no local de realização de provas, o candidato deverá manter o celular desligado, sendo permitido ligá-lo somente após ultrapassar o portão de saída do prédio. Caso o aparelho toque, emita qualquer ruído, alarme, ou seja, o candidato surpreendido manuseando o aparelho durante a realização das provas, o mesmo será eliminado, mediante registro em ata pelo fiscal e, no mínimo, 2 (duas) testemunhas.
5.14. Conteúdo programático:


Cargo

Contéudo Programático

Agente de Abordagem Social

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos, geometria, grandezas e medidas, estatística e probabilidade;

- Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS) (1993)

- Política Nacional de Assistência Social (PNAS) (2004).

- Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS (2005). Norma operacional Básica de Recursos Humanos do Sistema Único de Assistência Social – NoB-RH/SuAS (2006).

- Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069, de 13 de julho de 1990 e suas alterações: Lei 11.829, de 25 de novembro de 2008).

- Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/2015)

- Estatuto do Idoso (Lei 10.741, de 1º de outubro de 2003).

- Lei Maria da Penha (Lei 11.340 de 2006).

- Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais. Resolução Nº 109, de 11 de novembro de 2009. • Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), 2009.

- Lei do SUAS, Lei nº 12.435, de 6 de julho de 2011, que altera a LOAS e dispõe sobre a organização da Assistência Social. • Resolução CNAS nº 09, de 18 de abril de 2013.

- Caderno Perguntas e Respostas – Serviço Especializado em Abordagem Social – MC.



Agente Fiscal Sanitário

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Lei nº 6.066/99, Manual de Processo Administrativo Sanitário, Vitória/2013) e Lei Municipal nº 970/99, Código Municipal de Vigilância Sanitária.


Artesão

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 27 e 34 e Portaria nº 3.0888/11).


Assistente Social I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 2734 e Portaria nº 3.0888/11).

- Constituição da República Federativa do Brasil (1988);

- Lei Orgânica da Assistência Social – LOAS (1993)

- Política Nacional de Assistência Social – PNAS (2004).

- Norma Operacional Básica do Sistema Único de Assistência Social – NOB/SUAS (2005). Norma operacional Básica de Recursos Humanos do Sistema Único de Assistência Social – NoB-RH/SuAS (2006).

- Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069, de 13 de julho de 1990 e suas alterações: Lei 11.829, de 25 de novembro de 2008).

- Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/2015)

- Estatuto do Idoso (Lei 10.741, de 1º de outubro de 2003).

- Lei Maria da Penha (Lei 11.340 de 2006).

- Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais. Resolução Nº 109, de 11 de novembro de 2009. • Plano Nacional de Promoção da Cidadania e Direitos Humanos de LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), 2009.

- Legislações sobre o Cadastro Único para Programas Sociais e o Programa Bolsa Família; “Lei do SUAS”. Lei Nº 12.435, de 6 de julho de 2011 que altera a LOAS e dispõe sobre a organização da Assistência Social. • Resolução CNAS nº 09, de 18 de abril de 2013.


Atendente de Consultório Dentário do Programa de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Auxiliar de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Cirurgião Dentista do Programa de Saúde Bucal

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Cirurgião Dentista I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 17 e Diretrizes da Política Nacional de Saúde Bucal).


Coordenador de Enfermagem da Estratégia Saúde da Família (ESF)

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Enfermeiro I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, Porcentagem, Gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Engenheiro de Segurança do Trabalho

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinenente (Lei Federal nº 6514/77, Portaria nº 3214/78 e Lei 8213/91).


Farmacêutico

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, orcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e nº 344/98, Resolução da Diretoria Colegiada – RDC nº 44/09, Resolução do Conselho Nacional e Saúde nº 338/04).


Fisioterapeuta da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Fisioterapeuta I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Fonoaldiólogo

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Gerente da Atenção Básica

- Português: análise de textos e coesão e coerência

- Matemática: números e operações, álgebra e funções, geometria, grandezas e medidas, estatística e probabilidade;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 28, vol 1 e 2).


Médico da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).


Médico Veterinário

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação e conhecimento específico da área, em especial a Lei Federal nº 7.889/89 e Decreto Federala nº 9.013/17).


Merendeira

- Português: análise de textos, coesão e coerência textual;

- Matemática: números e operações, situações problemas envolvendo as quatro operações.



Monitor de Transporte Escolar

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Lei nº 8.069/1990, Estatuto da Criança e Adolescente.



Motorista de Ambulância

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro.


Motorista de Veículos Leves e Pesados

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro.


Motorista de Transporte Escolar

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: Problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Lei nº 8.069/1990 – Estatuto da Criança e Adolescente;

- Demais legislações e conhecimentos específicos da área.


Nutricionista

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017, Política Nacional de Alimentação e Nutrição – PNAN/2013, Guia Alimentar para a População Brasileira, Ministério da Saúde, 2014, Inciso II, VI e VII do artigo 3º,. Incisos III,IV,VI, XI e Parágrafo Único do Artigo 4º da Lei Federal nº 8.234, de 17 de setembro de 1991. Programa Naicnal de Alimentação Escolar (PNAE).


Operador de Máquinas I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, Gráficos;

- Código de Trânsito Brasileiro;

- Legislação e conhecimento especificos da área.



Profissional de Educação Física

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Caderno Atenção Básica nº 27 – Diretrizes do ANSF, 2009).


Psicólogo I

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/17 e Cadernos Atenção Básica nºs 27 e 34 e Portaria nº 3.0888/11).


Técnico em Enfermagem

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;

- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).


Técnico em Enfermagem da ESF

- Língua Portuguesa: interpretação de texto, coesão e coerência textual;

- Matemática: problemas envolvendo as 4 operações, porcentagem, gráficos;



- Legislação pertinente ao SUS (Portaria nº 2.436/2017 e Cadernos Atenção Básica nº 28, vol. 1 e 2).





Baixar 272.4 Kb.

Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   61




©psicod.org 2020
enviar mensagem

    Página principal
Universidade federal
Prefeitura municipal
santa catarina
processo seletivo
concurso público
conselho nacional
reunião ordinária
prefeitura municipal
universidade federal
ensino superior
ensino fundamental
ensino médio
Processo seletivo
minas gerais
Conselho nacional
terapia intensiva
Curriculum vitae
oficial prefeitura
Boletim oficial
seletivo simplificado
Concurso público
Universidade estadual
educaçÃo infantil
saúde mental
direitos humanos
Centro universitário
Poder judiciário
educaçÃo física
saúde conselho
assistência social
santa maria
Excelentíssimo senhor
Conselho regional
Atividade estruturada
ciências humanas
políticas públicas
outras providências
catarina prefeitura
ensino aprendizagem
secretaria municipal
Dispõe sobre
Conselho municipal
recursos humanos
Colégio estadual
consentimento livre
ResoluçÃo consepe
psicologia programa
ministério público
língua portuguesa
público federal
Corte interamericana